Segundo dia do IV Seminário Angra em Ação

Iniciativa que avalia a rede pública municipal de ensino contou com pedagogos e auxiliares de direção em seu último dia

Sexta-Feira, 04/11/2022 | Secretaria Executiva de Comunicação .

Aconteceu nesta sexta-feira, 4 de outubro, mais uma manhã para o exercício da reflexão dos resultados obtidos pela rede pública municipal de ensino. Organizado pela Secretaria de Educação, no auditório da Universidade Estácio de Sá, o IV Seminário Angra em Ação teve como convidados, para o seu último dia, pedagogos e auxiliares de direção da rede. A ação faz parte do Avaliar, o Sistema de Avaliação da Rede Pública Municipal de Ensino.

– Precisamos sempre deste momento de reflexão para avaliar nossas práticas pedagógicas e nossas relações interpessoais. Somos responsáveis por este resultado, que é reflexo do nosso trabalho. Devemos buscar as melhores práticas para serem replicadas – frisou Paulo Fortunato, secretário de Educação, Juventude e Inovação.

O encontro com o corpo gestor da secretaria serviu de debate para ações pedagógicas, planejamento de gestão, análise de dados e apropriação de resultados no ano de 2022, como a nota no IDEB 2021, o maior índice municipal já alcançado para anos iniciais e finais desde o início da série histórica, fruto de grande mobilização da rede com os alunos. Os resultados da avaliação permitem uma maior análise sobre o processo cognitivo de cada aluno e um planejamento mais adequado para a consolidação da aprendizagem.

– O sistema de avaliação da rede, implementado neste último semestre, é extremamente importante, pois possibilita um diagnóstico sobre o conteúdo que os educandos estão desenvolvendo em nível de conhecimento e habilidade. Isso serve para nortear as práticas que iremos implementar no chão das escolas a fim de melhorar os resultados dos alunos – destacou Eliane Barreiros, auxiliar de direção na Escola Municipal Prefeito José Luiz Ribeiro Reseck.

Além da apresentação dos indicadores sobre o índice educacional municipal, o encontro contou com a divulgação de diversas ações avaliativas realizadas em 2022.A partir dos mapeamentos, monitoramentos, evidências, diagnósticos, orientações e tomadas de decisão, as devolutivas apresentadas à rede podem apresentar importantes medidas a serem implementadas.

– A Secretaria de Educação foi muito assertiva ao adotar esse novo sistema de avaliação dentro do município. Ele é um redimensionador do nosso trabalho. É importante que consigamos verificar o desenvolvimento do trabalho dos pedagogos municipais. É uma estratégia que permite que identifiquemos os verdadeiros problemas a partir de ações muito detalhadas. Precisamos identificar dentro de cada unidade escolar os alunos que precisam melhorar em suas habilidades mais deficitárias – complementou Rodrigo Jannotti, pedagogo na Escola Municipal Maria Theresa do Nascimento Garcia.