Fim de semana com programação dos 21 anos do CCTM+

Até segunda-feira (24), o público poderá conferir atrações variadas em comemoração ao aniversário do espaço cultural

Sexta-Feira, 21/05/2021 | Superintendência de Comunicação .

O Centro Cultural Theophilo Massad (CCTM) celebra 21 anos de existência na próxima segunda-feira (24). A especial vai ser comemorada com uma programação especial organizada pela Prefeitura de Angra, por meio da Secretaria Executiva de Cultura e Patrimônio.

Às 15h, o público poderá conferir o espetáculo “Cantigas de Roda no Tribal”, com Jorge Moreno, Flaviana Ayres, Elaine Alves, Danilo Santos, JP Moreira e Francis Cascardo. Depois, às 19h, os amantes do teatro poderão assistir à “Expedição Quintal do Circo”, com Luciano Araújo. Logo em seguida acontecem o tradicional corte do bolo.

Antes disto, porém, a população vai poder prestigiar nesta sexta (21), às 15h, o espetáculo “Eu também Quero Brincar”, com Moraes, e às 19h ao “Todo Cais é uma Saudade de Pedra”, com Ronaldo de Oliveira.
Neste sábado (22), a programação apresenta “Caio, Antes de Partir”, com Evanildo Almeida, Gabriel Maia, Laiz Cruz, Luma Azevedo e Rafaela Queiroz. Já no domingo (23), às 19h, tem “Antes da Chuva Cair”, com Gabriel Vasconcelos e Mariana Souza. Estes espetáculos do fim de semana têm classificação 12 anos, os demais são livres.

Desde terça-feira (18), já passaram pelo palco do CCTM os espetáculos “Vamos Brincar”, “O Castelo Amaldiçoado” e “Uma Viagem de Cordel”.

- Nós, da Secretaria de Cultura, estamos radiantes com o resultado das apresentações. Temíamos não ter público em razão da pandemia, mas a população entendeu que limitamos o espaço em 1/3, de 210 para 60 lugares, e acrescentando todos os demais protocolos necessários. Estamos felizes! A programação está linda e o público saindo feliz – avaliou o secretário-executivo de Cultura e Patrimônio, lembrando que é necessário retirar as senhas uma hora antes de casa espetáculo.

O CCTM foi inaugurado no dia 24 de maio de 2000 no prédio que abrigava o antigo galpão da fábrica de pescado Ovar, depois de mais de 20 anos de intensa luta do movimento cultural. O Centro Cultural possui quatro espaços: o Teatro Municipal Dr. Câmara Torres, com capacidade para 210 pessoas; uma sala de vídeo, que possui 50 lugares; a Sala de Música e Ensaios Maestro Galloway; e o amplo Salão de Exposição e Artes Plásticas e Visuais Felício D’Andréa Neto.