Prefeitura promove dia de beleza para PcD e cuidadores

Evento foi pelo Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência - 21 de setembro

Sexta-Feira, 23/09/2022 | Secretaria Executiva de Comunicação .

A Prefeitura de Angra, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania e Secretaria Executiva de Ação Social, promoveu no Iate Clube Aquidabã, na tarde de quinta-feira (22), um dia de beleza para as pessoas com deficiência (PcD) e seus cuidadores. O objetivo foi oferecer um momento de autocuidado para quem nunca tem tempo ou enfrenta muitas dificuldades para sair de casa. A ação ocorreu em alusão ao Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência - 21 de setembro -, tão importante para uma parcela da população que vem buscando cada vez mais sua inserção na sociedade com garantia de direitos.

A data foi oficializada em 2005 por meio da Lei Federal nº 11.133, sendo escolhida por ser o Dia da Árvore e véspera ao início da primavera, simbolizando o nascimento das reivindicações de cidadania e participação plena em igualdade de condições. Um dia com o objetivo conscientizar sobre a inclusão de pessoas com deficiência na sociedade, nos mais diversos meios, como educação e trabalho. A sigla PcD é destinada àquelas pessoas que têm impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial, de acordo com artigo 1º da Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, de 2006.

No evento, foram ofertados serviços de massoterapia, design de sobrancelha, corte de cabelo masculino, confecção de tranças, pintura facial infantil, artesanato e arte em caricatura. Para deixar o ambiente ainda mais agradável, houve apresentação de voz e violão do músico Allan, que é deficiente visual. Também houve a disponibilidade de jogo de damas e roda de conversa para quem estava aguardando a vez de ser atendido.

Jussara de Oliveira, que é mãe do PcD Francelino de Oliveira, esteve no evento com muita animação e utilizou vários serviços.

- Eu vou aproveitar ao máximo este dia aqui com meu filho. Vou fazer sobrancelha, unha e massagem, mas enquanto espero minha vez, já vou fazendo um artesanato. Francelino também vai fazer a barba e cortar o cabelo. A gente vive na correria, e passar uma tarde se cuidando é muito bom – disse Jussara.

A coordenadora técnica de PcD da Secretaria de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania e Secretaria Executiva de Ação Social, Iris Aderlane Gouveia Fernandes, destacou a importância de oferecer um dia especial para essas pessoas.

- No mundo todo, estima-se que mais de 1 bilhão de pessoas vivam com algum tipo de deficiência. É nossa obrigação, mas também é uma enorme satisfação trabalhar para que todos vivam em igualdade na sociedade, preservando as diversidades – lembrou Iris.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), em 2019 o Brasil possuía 17,3 milhões de PcD, sendo cerca de 8,4% da população. Dados que serão atualizados com o censo de 2022.

O secretário de Governo e Relações Institucionais, Cláudio Ferreti, que esteve no evento, ressaltou a importância de políticas públicas de inclusão.

- Como gestores, temos que garantir os direitos de todos. Por isso, lançamos o projeto Angra, Cidade Inclusiva, que é um compromisso do atual governo para criar, monitorar e garantir a implementação de políticas públicas para as pessoas com deficiência – lembrou Ferreti.