Segurança Pública garante Carnaval ordenado em Angra

Setores da Prefeitura de Angra e forças policiais atuaram em conjunto durante os 4 dias, em todos os bairros

Quinta-Feira, 18/02/2021 | Superintendência de Comunicação .

Com uma taxa de ocupação turística em torno de 75%, Angra dos Reis teve um Carnaval com ordenamento, graças às ações coordenadas realizadas pela prefeitura, por meio da Secretaria Executiva de Segurança Pública, com o apoio das forças policiais.

Neste período, as barreiras turísticas contabilizaram que 221 veículos, devidamente autorizados, acessaram o município, e outros 12 tiveram que retornar ao seu local de origem por não terem a devida permissão.

Durante os quatro dias, 18 notificações foram aplicadas em função de atividades não licenciadas e dois autos de infração foram emitidos, um por descumprimento do decreto municipal de combate à covid e o outro por atividade turística não licenciada. Além disso, três caixas de som foram apreendidas em área pública após as 23h, ato que desrespeita o decreto municipal vigente, e três veículos foram notificados por estacionar em local não permitido, no bairro da Monsuaba.

Com os objetivos de identificar motos roubadas e verificar o cumprimento do Código de Trânsito Brasileiro pelos veículos e condutores, mais de 60 motos foram abordadas entre sábado (13) e domingo (14), na Praia do Anil.
Além disso, no sábado (13), duas operações foram realizadas na Ilha Grande por meio de uma parceria entre a Polícia Federal e a Secretaria de Segurança Pública. Uma delas ocorreu na Vila do Abraão, com o intuito de combater o tráfico de drogas. Em outra ação, que contou com a participação do Ibama, Inea, Upam (Unidade de Polícia Ambiental) e Gram (Grupamento Ambiental Marítimo), duas barracas de camping irregulares foram retiradas nas praias de Lopes Mendes e Parnaióca.

Os policiais militares lotados no Proeis também estiveram em campo no feriadão. Na madrugada de sábado (13), a equipe conduziu um cidadão, suspeito de agredir a companheira, em Garatucaia, à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam). Na mesma madrugada, o proprietário de um estabelecimento do Parque Mambucaba foi conduzido à 166ª DP por descumprir o decreto municipal de combate ao coronavírus.

As ações contaram com a participação dos departamentos de Trânsito, Fiscalização e Postura, Vigilância Patrimonial, Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) e Proeis. Apoiaram a Operação Carnaval 2021 a Polícia Federal, 33º BPM, 166ª DP, Polícia Rodoviária Federal e Capitania dos Portos.