Obras na entrada de Angra entram em nova fase

Ao final das intervenções, o objetivo é melhorar a acessibilidade e oferecer ainda mais segurança aos motoristas e transeuntes

Quarta-Feira, 06/05/2020 | Superintendência de Comunicação .

Na manhã desta quarta-feira (6), uma ação da Prefeitura de Angra verificou o andamento das obras de modernização e revitalização da entrada da cidade, iniciadas em janeiro de 2019, que agora, entram em nova fase. O prefeito de Angra dos Reis, o secretário de Obras do município e o secretário de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade vistoriaram as ações efetuadas.

Brevemente, a Avenida Ayrton Senna estará de cara nova, mais moderna, segura e sustentável, com iluminação de LED, ciclovia e outras melhorias voltadas à população. A obra também é importante por conta de, além de melhorar a acessibilidade daqueles que transitam pela área, acabar de vez com o gargalo que provoca engarrafamento de veículos no trecho próximo ao Aquidabã, que está sendo duplicado.

– É uma obra importante para a cidade que a prefeitura está fazendo. No trecho em frente ao Aquidabã existe um gargalo que todo mundo conhece. Por isso, a prefeitura está fazendo toda a revitalização, duplicação e ciclovia, desde a entrada do Marinas até esse trecho. Teremos uma avenida nova – explica o prefeito.

As obras haviam sido paralisadas há mais ou menos um mês, em função da pandemia, já que havia um receio muito grande em relação à saúde dos trabalhadores. Elas foram retomadas, com toda a segurança para os profissionais, no último dia 27, e a etapa finalizada agora consistiu na preparação da base, colocação de meio fios e revestimento em CBUQ do trecho 2, que vai da Praia do Anil até o Hotel Acrópolis, onde será feita a remodelagem do trevo próximo à saída da rodoviária e o alargamento do trecho do Aquidabã.

– O trecho 3, que vai do Acrópolis até o trevo do Marinas, já está praticamente concluído, dependendo do muro de contenção que está sendo executado na entrada do shopping. Em seguida, será refeita a remodelagem do trevo do Marinas, que é o pedaço final dentro da parte civil. A próxima etapa consiste no fechamento das drenagens e pavimentação final de todo o trecho 2 – relata o secretário de Obras, explicando ainda que, em relação à urbanização e iluminação pública, entrarão luminárias de led e fiação subterrânea, que vão fechar todo o escopo da obra.