Prefeitura cria Fundo Municipal de Cultura

A cerimônia para a assinatura da nova lei foi realizada no dia em que o Centro Cultural Theophilo Massad completou 18 anos

Sexta-Feira, 25/05/2018 | Superintendência de Comunicação .

O Centro Cultural Theophilo Massad completou 18 anos na quinta-feira (24), mas quem ganhou um belo presente foram os artistas da cidade: a criação do Fundo Municipal de Cultura. A nova lei foi assinada pelo prefeito na presença de autoridades, atores, dançarinos e do público em geral que lotou o Teatro Dr. Câmara Torres.
- Esse Fundo Municipal fará com que os artistas parem de ficar com o pires na mão. Estou muito feliz de estar participando deste momento que é assinar algo que todo movimento cultural queria, que era ter um Fundo Municipal para a Cultura. Com isso os artistas podem elaborar projetos e democraticamente a gente, através de uma comissão, selecioná-los – destacou o prefeito.
O secretário de Desenvolvimento Econômico destacou que, com a criação do Fundo, os artistas não precisarão mais recorrer a “favores políticos”.
- Esse Fundo será profissional e democrático. Vamos respeitar os atores como eles merecem. A prefeitura já aportou R$ 500 mil no Fundo e vamos também poder receber doações de empresários – destacou o secretário, informando que, a partir da semana que vem, os editais começarão a ser selecionados por uma comissão.
A secretária de Cultura e Patrimônio Histórico comemorou mais essa conquista como gestora e artista.
- Fico emocionada de participar desta assinatura porque faço teatro há 15 anos e hoje o teatro completa 18 anos com essa conquista. Agradeço a equipe da Prefeitura e Câmara Municipal pela aprovação desta lei – agradeceu.
Uma vereadora representou a Câmara Municipal no evento. O Projeto de Lei que possibilitou a criação do Fundo Municipal de Cultura foi aprovado por unanimidade, depois de ficar parado no Legislativo por sete anos.
- O Fundo foi aprovado pela Câmara em sua totalidade. Estou feliz em estar aqui trazendo o abraço do Legislativo. Angra respira teatro e merece. Quem ganha são vocês – discursou a vereadora se referindo aos artistas presentes na cerimônia.

Fundo Municipal

- Passamos o ano de 2017 com pouquíssimo dinheiro, mas trabalhando para criar um arcabouço de leis para sustentar a cultura. Já aprovamos algumas leis e hoje estamos assinando uma das mais importantes – destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico.
O Fundo Municipal de Cultura é um instrumento utilizado para que o município seja integrado ao Sistema Nacional de Cultura. Em Angra, ele já foi iniciado com um aporte de R$ 500 mil feito pela Prefeitura, mas a partir de agora o município poderá receber transferência de recursos do Ministério da Cultura e da Secretaria de Estado de Cultura e de empresários.
Em breve, os editais serão lançados para peças de teatro, grupos musicais, escolas de música, espetáculos de dança, artes plásticas. Todas as áreas da cultura poderão ser contempladas com dinheiro advindo do Fundo Municipal.

Aniversário Centro Cultural

A maior idade do Centro Cultural Theophilo Massad está sendo comemorada com uma programação especial. Na quinta-feira (24) depois da assinatura da criação do Fundo Municipal de Cultura, foi apresentado o espetáculo teatral ‘Calango Deu! Os Causos da Dona Zaninha’, e em seguida teve o corte do bolo ao som da Banda Jardim Sarmento.
A programação continua hoje (25), às 19h30, com a apresentação de dança ‘Colegial’, do grupo Arte Fênix. Encerrando as atividades comemorativas, no sábado (26), às 19h30, o Centro Cultural recebe a peça ‘Fala! Substantivo Feminino’, encenada pelo grupo Coletivo Athos. Todas as apresentações acontecerão no Teatro Municipal Dr. Câmara Torres e terão entrada franca, sujeitas a lotação.