Secretário de Segurança visita Angra

General afirmou que compra das viaturas vai ajudar muito no combate à criminalidade e anunciou reforço no efetivo da PM

Quarta-Feira, 16/05/2018 | Superintendência de Comunicação .

O secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, esteve em Angra dos Reis, hoje (16), e foi recepcionado pelo prefeito no Estádio Municipal, no Balneário, aonde chegou de helicóptero vindo da sede do 33º Batalhão da Polícia Militar, no Parque Mambucaba. O objetivo de sua vinda ao município foi compreender a realidade da cidade e buscar soluções integradas para que os índices de criminalidade sejam reduzidos.
No Centro de Angra o general visitou a sede da 166ª DP e da Delegacia Especializada ao Atendimento da Mulher (Deam), ao lado do prefeito, de vereadores l e do delegado da polícia civil, Bruno Gilaberte.
O prefeito contou ao general sobre as ações que a Prefeitura vem fazendo para ajudar no combate à criminalidade, como a compra das 20 viaturas para a PM, a ampliação do Proeis para trabalhar em dois turnos com 46 policiais e a implantação do Disque-Denúncia. O prefeito cobrou o reforço no efetivo para Angra dos Reis e recebeu uma boa notícia. O general anunciou que o 33º Batalhão da PM vai receber mais 15 homens para atuar diariamente na luta contra o crime. A maior parte desses policiais ficará em Angra, já que é a cidade com maior mancha criminal da região. A novidade foi anunciada pelo general à imprensa no final da visita como uma das ações efetivas para reduzir a criminalidade.
- Hoje, por exemplo, a gente pode anunciar o início do Regime Adicional de Serviço (Ras) o que coloca mais policiais na rua, tanto os civis no atendimento em delegacias quanto PMs na rua e o histórico da aplicação dessa solução em outros tempos é de que os índices de criminalidade se reduzam bastante – destacou o general.
A parceria com a Prefeitura também foi ressaltada pelo general como outra das ações efetivas para diminuir a violência em Angra.
- A outra solução que temos que adotar aqui é trazer imediatamente as 20 viaturas do Proeis, parceria firmada da Prefeitura com a Polícia Militar, para a PM atuar aqui, o que vai ser muito importante - destacou o general.
O prefeito pediu ao general que tenha um olhar especial para Angra.
- Nós, com duas usinas nucleares, vemos toda hora a estrada sendo fechada por manifestações contra a violência. Como vamos colocar o plano de evacuação em prática, caso ocorra algum acidente? - questionou o prefeito.
Para o prefeito esse encontro foi importante para o general conhecer mais da realidade da cidade e ouvir os anseios das autoridades e da população.
- Eu não tenho poder de polícia, mas estamos fazendo tudo o que podemos fazer para ajudar a polícia. O general já assumiu o compromisso comigo, nós já mandamos o dinheiro e na próxima entrega de viaturas Angra dos Reis será contemplada – garantiu o prefeito, lembrando que já colocou o Governo Municipal à disposição da PM para ajudar na reforma de um carro blindado para atuar em Angra.
A visita do general a Angra foi o complemento de sua ida a 5ª Região Integrada de Segurança Pública, que compreende o Sul Fluminense.