Contemplados sorteiam suas casas do “Minha Casa, Minha Vida”

Amanhã (22) as famílias começam a vistoriar seus apartamentos, no bairro Banqueta para indicar possíveis problemas ou aprovar suas novas moradias

Quarta-Feira, 21/03/2018 | Superintendência de Comunicação

A emoção de comprar a casa própria é única. Hoje (21), 1.260 famílias dão mais um passo para realizar este sonho, participando do sorteio de blocos e andares de seus apartamentos do programa “Minha Casa, Minha Vida”. O evento acontece no Clube GDV, em Jacuecanga, realizado pela Prefeitura de Angra. Idosos e deficientes têm preferência pelos primeiros andares de cada bloco e a partir de amanhã as famílias começam a vistoriar seus apartamentos, no bairro Banqueta para indicar possíveis problemas ou aprovar suas novas moradias. A ação está contanto com o trabalho da equipe da Superintendência de Segurança Pública do município.
Para serem contempladas, todas as pessoas passaram por uma seleção socioeconômica. “Precisei declarar minha renda, se tenho filhos e há quanto tempo moro em Angra”. – explicou uma das contempladas, Raiane Cristino, do Morro da Carioca. No total, são seis critérios: três exigências de ordem federal e três exigências da Prefeitura de Angra.
Após o sorteio, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania, através da Secretaria de Assistência Social e Superintendência de Habitação, o Banco do Brasil vai confeccionar os contratos de venda e então as famílias receberão as chaves de suas casas. De acordo com o secretário de Assistência Social, a expectativa é que a entrega seja feita no primeiro semestre deste ano.
Com a chegada de 1.260 famílias à Banqueta, obras de infraestrutura já estão sendo feitas para dar suporte aos moradores de todo bairro. Escola, creche, posto de saúde e estradas de acesso estão sendo construídas. Além disso, os novos moradores receberão, durante um ano, um trabalho técnico-social para garantir a boa adaptação e desenvolvimento.