A prefeitura nega atrasos não previstos à Limppar

30/06/2017

A prefeitura lamenta a atitude infundada da contratada e afirma que tomará as medidas cabíveis no caso de suspensão dos serviços.

A Prefeitura de Angra esclarece que não existem pendências de medição com atrasos junto à contratada por mais de 90 dias. Em razão de uma nota enviada à imprensa pela prestadora de serviços, o governo vem esclarecer que:
Existe uma glosa na medição de janeiro, quando a fiscalização não atestou parcialmente os serviços que a contratada alega ter executado. Neste caso, a Limppar terá que comprovar a execução dos referidos serviços para a Prefeitura de Angra reconhecê-los como dívida.
Outra pendência é referente ao período de 21 de janeiro a 5 de fevereiro, que não havia cobertura contratual. Sobre este assunto, a prestadora de serviços deu entrada em um processo administrativo, que está em tramitação na Procuradoria do Município.
Duas Notas Fiscais que a Limppar deu entrada no final de maio, serão pagas após passar pela avaliação da fiscalização, conforme prevê o contrato e serão pagas dentro dos prazos previstos.
A prefeitura lamenta a atitude infundada da contratada e afirma que tomará as medidas cabíveis no caso de suspensão dos serviços.