Primeiras chuvas fortes do ano em Angra

17/01/2017

Bairros do sul do município foram os mais atingidos. Previsão é de que as chuvas diminuam no domingo

O município de Angra dos Reis está em estado de alerta desde a quarta-feira, dia 11, devido ao risco moderado de chuvas. A informação é da Defesa Civil municipal de Angra, que intensificou suas ações de monitoramento e vistoria nesta semana, com as primeiras chuvas fortes de verão neste ano. Na quarta e quinta-feira, choveu forte principalmente na região sul do município e em Monsuaba. O maior índice pluviométrico acumulado nas últimas 72 horas é do bairro do Bracuí (243 mm).

Na Gamboa do Bracuí, 15 pessoas ficaram desalojadas e precisaram ir ao ponto de apoio da localidade. Os pontos de apoio são locais pré-estipulados pela Defesa Civil para receber as pessoas nas situações de emergência. Elas receberam colchonetes dos agentes de Defesa Civil e foram para casas de parentes.

Bracuí, Gamboa do Bracuí, Santa Rita, Frade e Vila Histórica de Mambucaba foram os bairros mais afetados. As principais ocorrências foram pontos de alagamento, pequenos deslizamentos e quedas de árvores. No Sertãozinho do Frade houve um deslizamento que atingiu uma residência, mas sem vítimas. No Morro do Abel, a queda de uma árvore também atingiu uma residência, mas também não houve vítimas.

Os agentes de Defesa Civil estiveram em diversos locais de ocorrência fazendo vistorias e procedendo a retirada de árvores caídas. O órgão enviou SMS de alerta aos moradores de áreas de risco, para que ficassem atentos, e de alarme, quando há necessidade de que os moradores saiam de suas casas e se dirijam a locais seguros.

De acordo com a previsão meteorológica, o sábado, dia 14, será parecido com os últimos dois dias, com céu nublado e riscos de pancadas de chuvas de verão. O domingo, dia 15, tem tendência de melhora, mas com o céu variando de nublado a parcialmente nublado.

- Nossas equipes continuam em campo fazendo seus trabalhos e nossa orientação é para que os moradores fiquem atentos. Havendo qualquer problema eles devem entrar em contato com a Defesa Civil – orienta o secretário da pasta, Jairo Fiães. O telefone do plantão 24 horas da Defesa Civil é 3365-4588.